Concurso DPE CE 2022 – vagas abertas


O DPE CE está com 60 vagas abertas em seu novo Concurso Público de 2022.

Quem é formado na área do Direito e quer seguir carreira na gestão pública pode ficar sabendo a respeito de uma boa oportunidade. A Defensoria Pública Estadual do Ceará – DPE CE divulgou o edital do seu novo concurso e o prazo de inscrição começou em 3 de março (quinta-feira). Há 60 vagas a serem preenchidas de forma efetiva e imediata. Se você quer obter estabilidade laboral e financeira, com uma remuneração na faixa de R$ 27,5 mil não pode deixar essa chance passar. Leia os detalhes do certame da DPE do Ceará abaixo.


Inscrições estão abertas para o concurso público da DPE Ceará

O edital, lançado no dia 21 de fevereiro (segunda-feira), no diário oficial do estado do Ceará prevê que as inscrições no certame devem seguir de 3 de março (quinta-feira) até 5 de abril (terça-feira).


Os candidatos devem acessar o endereço eletrônico (www.concursosfcc.com.br/concursos/dpece121/index.html) a fim de efetivarem seu cadastro e sua participação na seleção para servidor efetivo do órgão público.


A banca contratada pela DPE do Ceará para aplicar as provas e organizar os trâmites do concurso é a Fundação Carlos Chagas – FCC.


O valor da taxa de inscrição é de R$ 295 e precisa ser pago até o dia 5 de abril. Mas há possibilidade de concessão de isenção.

Sobre as vagas oferecidas na DPE do Ceará

A Defensoria Pública do Estado do Ceará dispõe de 60 vagas para o cargo de Defensor Público. Desse total, há algumas chances exclusivas para pessoas com deficiência, indígenas, pretos e pardos e também quilombolas.

A remuneração oferecida para quem for aprovado neste cargo é de R$ 27,5 mil.

Quem concorrer para as vagas reservadas a pessoas com deficiência, não pode deixar de enviar o laudo médico que confirma a sua condição. No caso de obter aprovação no certame, vai ser examinado por equipe médica, de modo a comprovar sua capacidade cognitiva e física de realizar as atribuições do cargo.

Para os demais concorrentes que não forem de ampla concorrência, quando forem aprovados e antes de tomarem posse, será necessário a avaliação da equipe de heteroidentificação.

Quais os requisitos para ser Defensor na Defensoria Pública Estadual do Ceará?

O edital explicita que o candidato deve ser aprovado no concurso público, apresentar diploma de graduação em Direito. Esse documento deve ser elaborado por instituição de ensino superior que esteja corretamente cadastrada junto ao Ministério da Educação – MEC.

Outras exigências constantes no edital são: ter nascido no Brasil, estar registrado e em dia com a Ordem dos Advogados do Brasil – OAB, não ter menos de 18 anos, estar em gozo dos seus direitos civis e políticos, ter 2 anos de experiência na área jurídica, no mínimo, estar em dia com o serviço militar, caso seja do sexo masculino, estar quite com a justiça eleitoral, entre outros requisitos dispostos no edital do concurso da DPE Ceará.

Sobre as etapas de seleção de candidatos da DPE Ceará

Além da prova objetiva com 100 questões, os concorrentes devem realizar prova discursiva, a prova oral e fazer a avaliação de títulos.

A primeira etapa está programada para ocorrer no domingo, 5 de junho.

Na segunda fase o candidato deve responder a uma peça processual e a uma dissertação.

A capacidade de arguição será observada exame oral. Para a prova de títulos, o candidato deve enviar os seus diplomas de cursos de pós-graduação e os comprovantes de suas experiências.

Mais detalhes sobre o concurso da Defensoria Pública Estadual do Ceará

Mais informações podem ser obtidas na página eletrônica da FCC (www.concursosfcc.com.br/concursos/dpece121/index.html).

A previsão de validade do concurso é de 2 anos, podendo ter prorrogação pela gestão do órgão estadual, caso haja interesse.

Por Melisse V..



Outros Conteúdos Interessantes

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.